Com dois gols de Mané, Liverpool goleia West Ham e assume a liderança da Premier League

Além do senegalês, Mohamed Salah e Daniel Sturridge marcaram na vitória dos Reds, por 4 a 0, diante dos Hammers

Com dois gols de Mané, Liverpool goleia West Ham e assume a liderança da Premier League
Mané comemora seu segundo gol na partida, deixando o Liverpool na liderança da competição  (Foto: Divulgação/ Liverpool)
Liverpool
4 0
West Ham
Liverpool: Alisson; Alexander-Arnold; Van Dijk; Joe Gomez; Robertson; Keïta; Milner; Mané (Shaqiri); Salah (Sturridge); Firmino (Henderson). Técnico: Jürgen Klopp.
West Ham: Fabianski;Balbuena; Ogbonna; Rice (Snodgrass); Fredericks; Masuaku; Noble; Antonio; Wilshere; Felipe Anderson (Chicharito); Arnautovic (Yarmolenko). Técnico: Manuel Pellegrini.
Placar: 1-0, min. 20, Salah. 2-0, min. 45, Mané. 3-0, min. 53, Mané. 4-0, min. 88, Sturridge
INCIDENCIAS: Partida válida pela primeira rodada da Premier League, disputada no estádio Anfield, às 9h30

O Liverpool estreou na nova temporada da Premier League com uma grande vitória sobre o West Ham, por 4 a 0, na manhã desse domingo (12), no estádio de Anfield. Os gols do jogo foram marcados pelos atacantes Mohamed Salah, Sadio Mané e Daniel Sturridge.

A primeira chegada do confronto foi dos mandantes. Em um jogada rápida, aos 14 minutos, Milner abriu espaço na marcação e fez o passe para Mané, que estava bem posicionado, porém Fabianski se adiantou e interrompeu o lance.

Seis minutos depois, o artilheiro da última temporada, Mohamed Salah, abriu o placar para os Reds. Após receber bom cruzamento, na medida, de Robertson, o camisa 11 só teve o trabalho de vencer o goleiro e colocar a bola nas redes.

Wijnaldum quase fez o segundo, após girar dentro da área e finalizar,  não entrando por detalhes. Com 68% de posse, os Liverbirds tinham total controle do meio campo, invadindo, com facilidade, a defesa adversária. Sem se encontrar no jogo, os Hammers deram três chutes, sendo que apenas um foi em direção a meta.

Já nos instantes finais da primeira etapa, aos 37, Fabianski fez milagre em tentativa de Salah e salvou a equipe londrina. Firmino cruzou e o egípcio completou forte pro gol, mas o arqueiro polonês, em um lance de reflexo, defendeu. Nos acréscimos, Mané ampliou, após novo cruzamento de Robertson na esquerda, o senegalês pegou de primeira, um chute indefensável: 2 a 0.

No começo do segundo tempo, com seis minutos, Mané fez o segundo dele e o terceiro dos donos da casa. Firmino passou pela zaga e tocou para o ponta esquerda que, em posição irregular, finalizou firme e marcou mais um.

Com o jogo  dominado, os Reds  aproveitaram a vantagem e diminuíram o ritmo, já que jogavam com tranquilidade, sem sofrer ameaças em nenhum momento. Acuado, os Irons encontraram grandes dificuldades para ficar com a bola e na criação de seus ataques.

No fim, Sturridge, que tinha acabado de entrar no lugar de Salah, aos 41, guardou o quarto, transformando a vitória em goleada. O atacante aproveitou a cobrança de escanteio para marcar, em seu primeiro toque na bola.

O resultado inicia, com o pé direito, a caminhada da equipe vermelha na busca pelo título, jogando o time para a liderança e deixando  os Hammerheads lanterna do torneio.

O próximo compromisso do West Ham será no próximo sábado (18), às 11h (Horário de Brasília), contra o Bournemouth, no London Stadium. Dois dias depois, o Liverpool visita o Crystal Palace, às 16h, no Selhurst Park.