Sheffield United marca no último minuto, bate Wolverhampton e mantém vivo sonho da Europa League
John Egan celebra o gol da vitória dos Blades (Foto: Divulgação/Sheffield United)

Sheffield United e Wolverhampton, equipes fora do Big Six que vem se destacando na Premier League, se enfrentaram nesta quarta-feira (8), no pela 34ª rodada da liga. Disputado no Bramall Lane, o Sheffield venceu por 1 a 0, com gol de Egan. Os mandantes garantiram a vitória no último minuto de jogo.

Primeiro tempo tático

Os primeiros minutos de partida foram marcados por um jogo físico e ambas as equipes estudando a maneira como o adversário se comportava. O Sheffield United fez juz de ser a terceira melhor defesa da Premier League, ao lado do Manchester United. A primeira grande chance de jogo e o primeiro chute dos Wolves surgiu apenas aos 31 minutos.

Diogo Jota partiu em direção da área e O’Connell fez a falta para impedir a passagem do adversário. Rúben Neves cobrou falta e mandou direto no travessão. Quase um golaço do Wolverhampton.

O primeiro tempo terminou com duas finalizações ao Sheffield, enquanto os Wolves chegaram quatro vezes. No entanto, a única finalização que originou real perigo de gol foi a cobrança de falta de Rúben Neves. Os adversários se estudaram nos primeiros 45 minutos e mantiveram suas respectivas táticas e orientações técnicas durante a primeira etapa.

Manutenção de estratégia e decisão no último minuto

O segundo tempo começou promissor. Aos sete minutos, Sharp recebeu belo passe e partiu para dentro da área. O atacante tirou a marcação de Coady em um giro espetacular e mandou para o fundo do gol. No entanto, a arbitragem anulou o gol do camisa dez, já que, no momento que recebeu a bola, estava impedido.

O decorrer dos últimos 45 minutos de jogo foram da mesma maneira da primeira etapa. As duas equipes se respeitando no gramado e se contentando com o empate, sem nenhuma jogada diferenciada para sair à frente do placar.

O fator da chuva tornou o gramado mais pesado, mas não justifica apenas as duas finalizações para cada lado durante todo o segundo tempo. No entanto, a trajetória mudaria a dez segundos do fim.

Já nos acréscimos, Norwood cobrou escanteio, Egan subiu mais que todo mundo e desviou, de cabeça, no canto superior de Rui Patrício. O gol da vitória saiu nos minutos finais e manteve a briga do Sheffield à UEFA Europa League viva.

Como fica?

Com a vitória, o Sheffield United e chegou a sétima colocação. A distância do Manchester United agora é de quatro pontos, equipe que ocupa classificação à UEFA Europa League. Além de ver o adversário da partida de hoje se aproximar, o Wolverhampton se distancia da zona de classificação da UEFA Champions League e estaciona na sexta colocação.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore

Próximos confrontos

O Sheffield United receberá o Chelsea, pela Premier League, no próximo sábado (11), às 13h30. Já o Wolverhampton volta a campo no próximo domingo (12), às 8h, contra o Everton.

VAVEL Logo