Em jogo tecnicamente fraco, Fluminense e Unión La Calera empatam no Maracanã
Foto: Divulgação / Copa Sul-Americana

Na noite desta terça-feira (4), Fluminense e Unión La Calera se enfrentaram pela primeira fase da Copa Sul-Americana. A bola rolou no Maracanã e a partida terminou empatada por 1 a 1. Evanilson e Castellani marcaram os gols do jogo que terá sua decisão no dia 18 de fevereiro, no Chile.

O jogo começou morno. A partida teve muitos erros técnicos — sobretudo no primeiro tempo — e não houveram grandes lances na primeira etapa. Os mais perigosos vieram à partir do Fluminense: Aos 17, Nenê armou o contra-ataque com Miguel, que conseguiu a finalização para boa defesa de Arias. No rebote, Nenê conseguiu o escanteio.

10 minutos mais tarde, outra chance de Miguel. Ele recebeu de Matheus Alessandro, dominou e tentou encobrir o goleiro chileno, que ainda conseguiu o desvio para fora. No tiro de canto, Nenê bateu fechadinho, tentando gol olímpico, mas Arias estava esperto no lance.

Aos 39', a última grande chance da primeira parte: Nenê cobrou uma falta, que é mal afastada pela defesa. Luccas Claro cabeceou para Gilberto que finalizou para grande defesa do camisa 1 do La Calera. Foi a melhor chance da primeira etapa!

Segundo tempo

Na segunda metade, a bola fluiu melhor. As equipes acordaram e buscaram mais o gol, inclusive a equipe chilena, que só conseguiu a primeira finalização aos oito da etapa final. Di Stefanelli arriscou de muito longe e mandou mais longe ainda do gol. Cinco minutos depois, foi a vez de Hudson arriscar de longe e errar por muito.

Apesar das sequências de erros grotescos, o Flu conseguiu chegar. Aos 18', Matheus Alessandro deixou Miguel livre na área. Ele chegou no fundo e tocou para trás, mas a bola passou entre Marcos Paulo e Nenê. Três minutos depois, Miguel recebeu de calcanhar de Nenê, e cara a cara com o goleiro, finalizou mal e perdeu outra grande chance.

Os gols vieram logo em seguida. Aos 25', Evanilson se movimentou bem, Marcos Paulo tocou no camisa 9, que não perdoou e abriu o placar. Infelizmente, para os tricolores, a alegria não durou muito. Aos 28', Saéz ganhou na dividida com Hudson e ajeitou para Castellani chutar de primeira, no cantinho de Muriel. Foi a primeira finalização dos chilenos ao gol.

Egídio ainda tentou ajudar, mas pecou por pouco em uma finalização aos 32', e aos 36', Thomas Rodríguez foi expulso por chute em Digão. A pressão do Fluminense aumentou, mas não passou disso. Empate no Maracanã e suor para o jogo da volta. 

Agora, o Fluminense precisa se preparar para a partida de volta pela Sul-Americana, no dia 18 de fevereiro, no Chile. Um empate por 0 a 0 classifica os chilenos. Caso o 1 a 1 se repita, a partida seguirá para as penalidades. Em caso de qualquer outro empate, a vaga fica com a equipe das Laranjeiras.

VAVEL Logo