Campanha invicta, vitória sobre rival e tri no Maracanã: os títulos do Flamengo na Copa do Brasil

Rubro-Negro encara o Cruzeiro nesta quinta-feira (07) pela final da Copa do Brasil; relembre todos os títulos do clube carioca no torneio nacional

Campanha invicta, vitória sobre rival e tri no Maracanã: os títulos do Flamengo na Copa do Brasil
(Foto: Rodrigo Rodrigues/Editoria de Arte VAVEL Brasil)

Na noite de quinta-feira (07), às 21h45, Flamengo Cruzeiro entram em campo no Maracanã para o primeiro jogo da final de um dos torneios mais importantes do país: a Copa do Brasil. Com sete títulos em campo – três do lado Rubro-Negro e quatro do lado da Raposa -, as equipes duelam em um confronto que promete grandes emoções aos torcedores espalhados pelo país.

Mandante no jogo de ida, o Flamengo é tricampeão da Copa do Brasil, tendo conquistado a taça nos anos de 19902006 e 2013. Às vésperas da grande decisão em 2017, a VAVEL Brasil decidiu relembrar todas as conquistas do Rubro-Negro no torneio nacional. Confira abaixo:

Campanha invicta e título inédito: o Flamengo na Copa do Brasil de 1990

A segunda edição da Copa do Brasil, em 1990, foi marcada por diversos fatores – entre eles, a campanha invicta e o título inédito do Flamengo. Após deixar Bahia e Náutico para trás, o adversário do Rubro-Negro na grande final seria o alviverde Goiás.

Com Renato Gaúcho, Júnior e Zinho em campo, o Flamengo abriu vantagem na disputa pela taça ao vencer o Esmeraldino por 1 a 0 no jogo de ida – o gol do Rubro-Negro foi marcado pelo zagueiro Fernando, garantindo ao clube carioca a chance de jogar pelo empate na volta.

Campanha invicta garantiu ao Flamengo seu primeiro título da Copa do Brasil em 1990 (Foto: Divulgação/Flamengo)
Campanha invicta garantiu ao Flamengo seu primeiro título da Copa do Brasil em 1990 (Foto: Divulgação/Flamengo)

Na cidade de Goiânia, no confronto final, o Rubro-Negro se contentou em segurar o empate no Estádio Serra Dourada. Diante dos 45 mil presentes, o placar de 0 a 0 coroou a campanha invicta do Flamengo - foram seis vitórias e quatro empates - e garantiu ao Rubro-Negro seu primeiro título na Copa do Brasil.

Vitória sobre o Vasco garante o bicampeonato da Copa do Brasil

16 anos após levantar a taça pela primeira vez e dois anos após ser surpreendido pelo Santo André, era hora de o Flamengo conquistar novamente a Copa do Brasil. Em 2006, o adversário na final era ninguém menos que o Vasco da Gama, rival estadual do Rubro-Negro – esta foi a primeira final do torneio decidida entre dois clubes do mesmo estado.

Às vésperas da grande decisão, o treinador Waldemar Lemos foi demitido pela diretoria rubro-negra, que contratou Ney Franco como substituto para coroar a campanha na Copa do Brasil e garantir a taça. Diante de um público de 44 mil pessoas no Maracanã, o Flamengo deu o primeiro passo em direção ao troféu após vencer o jogo de ida por 2 a 0. Obina e Luizão, ex-jogador do Vasco, marcaram os gols do Rubro-Negro em uma partida eletrizante, que marcou a história do Clássico dos Milhões.

Juan marcou o gol do título da Copa do Brasil de 2006 (Foto: Divulgação/Flamengo)
Juan marcou o gol do título da Copa do Brasil de 2006 (Foto: Divulgação/Flamengo)

Embalado pela vitória, o Flamengo veio a campo para o jogo de volta contando com a vantagem para garantir o troféu. O Rubro-Negro, que começou melhor na partida, viu o confronto ficar ‘fácil’ após Valdir Papel ser expulso por violenta tesoura em Léo Moura – com um jogador a mais, o Flamengo precisava apenas administrar a posse de bola e esperar pelo apito final.

No entanto, tudo se tornou ainda mais fácil após o Rubro-Negro estufar as redes: aos 27 minutos, Léo Moura arriscou de longe sem sucesso e Juan aproveitou o rebote, abrindo o placar. Obina e Luizão, que marcaram os gols da ida, desperdiçaram grandes chances de ampliar para o Flamengo; Jônatas também foi destaque na partida.

Fim de papo no Maracanã, sem maiores preocupações - 3 a 0 para o Flamengo no placar agregado, torcida em festa e o bicampeonato da Copa do Brasil em cima de um dos maiores rivais do Rubro-Negro.

Com gols de Elias e Hernane, Flamengo supera o Atlético-PR e garante tricampeonato

Nada poderia marcar o reencontro entre Flamengo Maracanã melhor do que um título – e isso aconteceu há quatro anos, em 2013. Após ser fechado para obras antes da Copa do Mundo de 2014, o célebre estádio foi palco do tricampeonato do Rubro-Negro na Copa do Brasil; a conquista carioca foi o primeiro título conquistado no Maracanã desde sua reabertura.

Após deixar CruzeiroBotafogo e Goiás para trás, o Flamengo enfrentaria outro rubro-negro na final: o Atlético-PR.  No jogo de ida, em Curitiba, Amaral e Marcelo Cirino fizeram os gols do empate por 1 a 1 entre Flamengo e Atlético-PR  – o que abriu vantagem para os cariocas. Pelo critério de gol fora de casa, um empate sem gols no Maracanã no jogo de volta era suficiente para a conquista do título na Copa do Brasil.

Elias abriu o placar e incendiou a torcida presente no Maracanã (Foto: Buda Mendes/Getty Images)
Elias abriu o placar e incendiou a torcida presente no Maracanã (Foto: Buda Mendes/Getty Images)

O confronto da volta se encaminhava para um placar de 0 a 0, apesar dos ânimos nervosos e das diversas investidas ofensivas em campo – no entanto, Elias surgiu aos 41 minutos do segundo tempo para abrir o placar. Após Paulinho aproveitar o rebote, o volante recebeu de cara para o gol e estufou as redes para o Rubro-Negro, inflamando os 68 mil torcedores presentes no Maracanã.

E se a torcida já fazia a festa com a vitória parcial por 1 a 0, Hernane deu o início oficial à comemoração: aos 49 minutos, no último lance da partida, o Brocador recebeu de Luiz Antonio e aproveitou para ampliar para o Rubro-Negro, sacramentando a conquista do tetracampeonato. O atacante foi o grande destaque da competição nacional (e do ano de 2013): peça essencial na conquista do título e artilheiro da Copa do Brasil (oito gols), Hernane também sagrou-se artilheiro do Campeonato Carioca, do Maracanã e da temporada no futebol brasileiro, com 36 gols

Buscando o tetracampeonato na Copa do Brasil, o Flamengo encara o Cruzeiro às 21h45 desta quinta-feira (07). Com ingressos esgotados, a partida acontece no Maracanã; o confronto é válido pelo jogo de ida da final do torneio.