Mesmo com muitos erros, Bia Haddad supera Jani e avança em Bogotá
Foto: Reprodução/Copa Colsanitas

Não foi uma grande atuação, mas, no fim, a #59 Beatriz Haddad Maia confirmou o favoritismo na primeira rodada do WTA 250 de Bogotá e bateu a #138 Réka Luca Jani por 2 sets a 1 nesta terça-feira (05).

No primeiro set, vitória da brasileira por 6/4 - placar que foi devolvido pela húngara na sequência. Na parcial decisiva, 7/5 para Haddad Maia. A partida teve, ao todo, 2h39.

Festival de erros

Haddad Maia começou bem e abriu logo 4/1. A brasileira recusou a húngara nos terceiro e quinto momentos - no segundo deles, após dez pontos, no segundo break point. No sexto game, foi a vez da húngara refutar a oponente. Para encerrar o primeiro set, dois games de dez pontos: no nono, dez pontos e três break (e set) points refutados por Jani; na sequência, depois de recusar dois break points, a cabeça de chave 2 fechou a parcial em 6/4.

O segundo período também começou bom para Haddad Maia. No segundo game, após 12 pontos e um break point refutado, ela confirmou o saque; no terceiro, depois de oito pontos, recusou Jani.  Nos sexto e décimo momentos, porém, ela foi recusada - e perdeu o set por 6/4.

Um show de emoções no começo do terceiro set aconteceu. No primeiro momento, Jani precisou de oito pontos, recusando um break point, para vencer. A partir do segundo game, uma incrível sequência de seis recusas de saque - com destaque para o quarto, com 12 pontos; e para os sexto e sétimo, com dez pontos (no primeiro deles, com dois break points).

Para aumentar o drama, a partida foi paralisada quando a brasileira sacaria em 3/4 por causa de trovões na Colômbia. Alguns minutos depois, o jogo foi retomado. No 11º game, a húngara foi rejeitada depois de dez pontos, no segundo break point; e, logo depois, no segundo match point, Bia Haddad fechou a parcial em 7/5.

Próximos jogos

Nas oitavas de final do Copa Colsanitas, Maia enfrentará a russa #85 Kamilla Rakhimova, que vem de vitória sobre a #116 Aleksandra Krunic.

VAVEL Logo