Barroca encara terceira derrota seguida com Botafogo e prega resiliência
Foto: Divulgação/Botafogo FR

O Botafogo foi até o Castelão enfrentar o Fortaleza e conheceu sua terceira derrota seguida no Brasileirão. O treinador Eduardo Barroca, após o jogo, em sua coletiva, pregou resiliência à seus comandados, ressaltando que a equipe precisa dar a volta por cima e cita que o clube ainda tem "gordura" para queimar na tabela.

"A gente ainda tem uma gordura de pontuação de segurança para a zona de baixo, logicamente a gente precisa interromper essa série de resultados negativas para que a gente possa voltar a ter uma série de negativas."

Apesar do resultado ruim, o treinador afirmou que precisa se reerguer e conquistar os três pontos diante do Fluminense, no próximo domingo, às 16h, no Nilton Santos.

"A gente precisa se reerguer, porque a competição tem essa características: em alguns momentos você oscila, e a gente está nesse momento. Tentar fazer grande jogo contra o Fluminense, vencer o Fluminense, quebrar essa sequência."

Três derrotas seguidas

Por sua vez, é a primeira vez que o time do Botafogo enfrenta uma sequência tão negativa nesse brasileiro. Ao todo, já são 3 derrotas seguidas e apenas 1 vitória nos últimos 8 jogos.

Vivendo uma guerra

Apesar de mais uma atuação ruim, Eduardo Barroca tentou defender seu grupo e resumiu a situação atual da equipe: "Na guerra".

"Mais uma vez eu estou aqui de peito aberto para defender meus jogadores, estão se dedicando de todas as formas. A gente não está indo para a guerra, a gente já está na guerra."

O próximo compromisso do Botafogo é no próximo domingo, contra o Fluminense, no estádio Nilton Santos. A equipe hoje se encontra na 12ª posição, tendo oito pontos de diferença para o Cruzeiro - primeiro da zona do rebaixamento.

VAVEL Logo