Inter joga mal, tropeça em casa contra Sport e vê liderança ser ameaçada
Foto: Ricardo Duarte/Internacional

O Internacional recebeu o Sport no Beira-Rio, em jogo válido pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro e acabou derrotado por 2 a 1. A equipe colorada teve Uendel expulso na primeira etapa e encontrou dificuldades de encaixar seu jogo. Com gols de Marcão e Adalberto, a equipe do Sport superou o Internacional na última quarta-feira (10), que marcou seu gol com Patrick

  • PRIMEIRO TEMPO

O líder do campeonato iniciou a partida com uma postura bastante ofensiva, criando e pressionando bastante a equipe do Sport e com chances reais de gol. A equipe do Internacional obteve mais posse de bola, com 59%, o time de Abel Braga encontrou uma defesa muito bem postada pelo lado adversário que tirou quase todos os cruzamentos da equipe do Inter.

A cara do jogo mudou aos 26 minutos do primeiro tempo, quando o lateral Uendel parou um contra-ataque do Sport com falta e acabou sendo expulso. O garoto Leonardo Borges entrou no lugar de Praxedes para ajustar o posicionamento defensivo do Inter.

Com um jogador a mais, a equipe do Sport encontrou espaços no meio de campo e soube aproveitar os contra-ataques, que resultaram no primeiro gol da partida que foi marcado por Marcão aos 38 minutos, que saiu cara a cara com Lomba e finalizou com precisão para abrir o placar no Beira-Rio.

No entanto, a alegria do Sport durou pouco, logo em seguida, Rodinei fez boa jogada e deixou para Edenilson, que cruzou para Patrick dominar e empatar a partida para o Inter com um belíssimo gol.

Em uma jogada um pouco estranha, o Sport chegou ao segundo gol com Dalberto, após assistência de Junior Tavares e falha de Marcelo Lomba, que desistiu de ir na bola após acreditar que ela tinha ido pela linha de fundo. 

  • SEGUNDO TEMPO

A segunda etapa começou bastante movimentada, embora estivesse com um jogador a menos, o Internacional voltou para o segundo tempo pressionando bastante mas sem sucesso. A equipe do Sport acabou encontrando bastante espaços para jogar no contra-ataque, teve boas oportunidades chegando na linha de fundo com o capitão Patric, mas não gerou em grandes chances de gol. 

Observando as diversas oportunidades desperdiçadas pelo Sport, Jair Ventura lançou o atacante Hernane Brocador na partida para ter um pouco mais de presença de área, no entanto, o centroavante foi pouco acionado.

O Internacional obteve mais posse de bola e controlava as ações da partida, mas com bastante dificuldades de criar perigo ao gol do Sport. Abel Braga resolveu colocar Abel Hernandez, Nonato e Peglow na partida com a intenção de encontrar espaços na defesa do Sport, no entanto, não surgiu o efeito esperado e a trinca de zagueiros do leão conseguiu anular a equipe colorada na segunda etapa.

O Internacional teve a grande oportunidade do segundo tempo com o garoto Caio Vidal, que carimbou a trave do goleiro Luan Polli.

E agora?

Mesmo com a derrota, o Internacional mantém-se na liderança com 66 pontos, mas vê a equipe do Flamengo se aproximar na tabela. O próximo compromisso do colorado é no domingo (14), contra a equipe do Vasco da Gama no estádio de São Januário, às 16h.

Já a equipe do Sport respira na briga contra o rebaixamento, o leão da ilha chega aos 41 pontos e fica na 14ª colocação. O próximo confronto da equipe pernambucana é na segunda (15), contra a equipe do Red Bull Bragantino na Ilha do Retiro, às 20h.

VAVEL Logo