Técnico, defensores e um substituto para Haaland: os reforços
do Dortmund
Edin Terzic assina como novo técnico do Borussia Dortmund ( Foto/BVB)

Na última sexta-feira (20), o anúncio da saída do técnico Marco Rose do comando do Borussia Dortmund pegou tanto jogadores como seguidores do time desprevenidos, mas não surpreendeu a todos. Com uma amarga segunda colocação na Bundesliga, uma eliminação diante do St. Pauli, da segunda divisão, no DFB-Pokal e dois vexames nas competições internacionais (eliminado na fase de grupos da UEFA Champions League e derrotado pelo Rangers na Liga Europa), era claro que o Dortmund precisava se renovar caso almejasse algo diferente na temporada 2022-23.

Com isso, um grande movimento de reinvenção começou a ser criado dentro do clube. Fora Erling Haaland, que deixou o Borussia após ser contratado pelo Manchester City, o clube optou por encerrar seu vínculo com Axel Witsel, Dan-Axel Zagadou, Marwin Hitz, Roman Bürki e Marcel Schmelzer, escancarando assim a sua necessidade por reforços defensivos.

  • Os reforços defensivos

Ainda no meio da temporada, a contratação do zagueiro do Bayern de Munique que estava em término de contrato, Niklas Süle, já havia sido anunciada e, mais recentemente, o também defensor Nico Schlotterback, do vice campeão do DFB-Pokal Freiburg e o meia defensivo Salih Özcan, do 1. FC Köln também foram anunciados, após ambos terem sido destaques positivos dos seus times durante o período.

  • O substituto de Haaland

Para o lugar da estrela em ascensão Erling Haaland, o escolhido foi o jovem alemão Karim Adeyemi, contratado junto ao RB Salzburg, da Áustria. Com 23 gols e nove assistências em 44 aparições na temporada pelo clube e com um gol em sua estreia pela seleção principal da Alemanha, o rapaz de 20 anos atraiu a atenção do time de Dortmund e chega para agregar muita experiência apesar da pouca idade: já foram sete títulos conquistados (3x Bundesliga Austríaca, 3x Copa da Áustria e Eurocopa Sub-21).

  • O novo comandante

Por fim, aquele que substituirá o técnico Marco Rose é um antigo conhecido da torcida: o ex-técnico interino Edin Terzic, de 39 anos. Após ser assistente técnico de jul/18 até dez/20, Terzic assumiu o time no lugar de Lucien Favre,, que foi demitido durante a temporada 2020-21, e comandou o esquadrão amarelo em 32 partidas – conseguindo inclusive o título de campeão da Copa da Alemanha após seu time derrotar o RB Leipzig na final. Com um contrato que durará até jul/25, ele foi considerado a peça ideal para o cargo devido ao seu grau de intimidade com o Borussia:

Edin conhece o nosso clube, o ambiente, uma grande parte do time e sabe quais são os parafusos chave que queremos apertar para oferecer aos nossos fãs um futebol de sucesso. A temporada 2022/23 será marcada por um novo começo esportivo”, disse Sebastian Kehl, atual dirigente do BVB.

Novos reforços, como um goleiro reserva e um novo lateral ainda devem ser anunciados pelo clube até o fechamento da janela de transferências.

VAVEL Logo