Roberto Fernandes exalta classificação do Náutico e diz: "Meu time é lutador"
(Foto: Léo Lemos/Náutico)

Classificado em primeiro lugar no Campeonato Pernambucano, vivo na briga por vaga na Copa do Nordeste e único representante do estado de Pernambuco na Copa do Brasil. O Náutico deste início de temporada pode não ser o time mais técnico que os torcedores alvirrubros já viram, mas com certeza é um dos que têm mais vontade. E a vontade entrou em campo de novo na noite desta quarta-feira diante da equipe do Cuiabá na Arena Pantanal. O Timbu tinha a vantagem do empate, pois venceu o primeiro jogo por 2 a 1, e com isso a transpiração que o técnico Roberto Fernandes tanto fala teve que se mostrar presente.

"O Náutico tem enfrentado adversários, como o Bahia, por exemplo, que um jogador do Bahia paga a minha folha inteira. Então eu vou exaltar o que o meu time tem de bom. Meu time é lutador, meu time é transpirador, meu time sabe fechar espaço, meu time tem uma transição rápida e é dessa forma que a gente, humildemente, está buscando os nossos objetivos", disse o treinador.

Roberto ainda explicou que a dificuldade financeira atual do Timbu não permite ter uma equipe que tome conta das ações do jogo e destacou a importância das verbas que vêm entrando com as conquistas dentro de campo.

"Náutico não está na série C como esteve nos últimos anos o Fortaleza, que mesmo na série C manteve uma folha altíssima. O Náutico está fazendo um planejamento passo a passo. A medida que entra mais recurso a diretoria vai qualificando. Nos últimos 30 dias chegou Ortigoza, chegou Wendel, e a gente espera que progressivamente a gente vá fazendo a transição pra ter uma equipe que possa propor um pouco mais o jogo", comentou.

Comandante alvirrubro ressaltou a força e as conquistas do time no ano, apesar das dificuldades.

"Os atletas estão num comprometimento sem tamanho. Terminamos a primeira fase do Pernambucano em primeiro lugar, chegamos agora na quarta fase da Copa do Brasil e temos ainda uma chance remota de classificação na Copa do Nordeste, mas ainda temos. O Náutico chega vivo nas três competições que iniciou o ano, após três eliminatórias da Copa do Brasil, após dez rodadas de campeonato estadual, tendo terminado em primeiro, enfim. Chegamos ao vigésimo jogo na temporada. Esse time foi montado na última quinzena de dezembro e está vivo nas competições", concluiu.

VAVEL Logo