Com polêmicas do VAR, França vira para cima da Espanha e é campeã da Nations League
Foto: Divulgação / UEFA

Atual campeã do mundo e dona de uma geração reconhecidamente cheia de grandes jogadores, a França conquistou, neste domingo (10),  título da Uefa Nations League 2020-21. Em San Siro, casa da fase final do torneio, a equipe venceu a Espanha, de virada, por 2 a 1. E não faltaram polêmicas na partida. 

No 3-4-1-2 de Didier Deschamps, a Seleção Francesa acertou mais finalizações no Giuseppe Meazza: cinco a quatro. No número de chutes totais, empate: doze a doze. Por fim, na posse de bola, melhor para a Seleção Espanhola, de Luis Enrique, que atuou no 4-3-3: 64%.

Unificando títulos

O morno primeiro tempo teve apenas um lance de perigo: aos 31 minutos, após cruzamento de Mikel Oyarzabal pelo lado esquerdo, a redonda pegou no braço direito de Jules Koundé, zagueiro da França. O VAR foi acionado e, para surpresa de muitos, a Espanha não teve o pênalti marcado por Anthony Taylor, árbitro inglês. Os jogadores da Roja reclamaram, os dos Bleus ficaram aliviados.

Aos 19 minutos, Paul Pogba serviu Theo Hernandez na área e ele chutou para grande defesa de Unai Simón. Segundos depois, novamente, Sergio Busquets acionou Mikel Oyarzabal na área após lindo lançamento longo e o camisa 21 chutou cruzado para colocar a Roja na frente. Dois minutos depois, Kylian Mbappé disparou pela faixa central e serviu Karin Benzema no lado esquerdo, que finalizou cruzado para empatar a peleja.

Aos 35, Theo Hernandez acionou Mbappé, em posição muito duvidosa, para virar. Após checagem do VAR, novamente para espanto geral, o tento foi validado - para desespero da Fúria.

Próximos jogos

As duas equipes entram em campo na próxima vez pelas Eliminatórias da Uefa para a Copa do Mundo 2022. No dia 11 de novembro, a Espanha visita a Grécia, pelo Grupo B; dois dias depois, a França recebe o Cazaquistão pelo Grupo D.

VAVEL Logo