Já com dois títulos no ano, Palmeiras enfrenta o Ceará na estreia do Brasileirão 2022
Foto: Divulgação / SE Palmeiras

Com desempenhos bem diferentes nos campeonatos estaduais e regionais, Palmeiras e Ceará estreiam no Campeonato Brasileiro 2022 no Allianz Parque,, neste sábado (9), às 21h.

Já com dois títulos no ano, os paulistas jogam com a confiança altíssima, enquanto os cearenses já atuam com o segundo técnico no ano.

Moral no alto

Campeão do Paulistão e da Recopa Sul-Americana, o Palmeiras chega à primeira rodada do Brasileirão 2022 após outra estreia, na Copa Libertadores da América. E, em San Cristóbal, o Verdão goleou o Deportivo Táchira: 4 a 0, na estreia do grupo A da Copa Libertadores da América 2022. 

São três baixas do Verdão para a peleja: Luan e Joaquín Piquerez estão em transição física, enquanto Deyverson está afastado do elenco.

Após a vitória na Venezuela, João Martins, auxiliar do treinador Abel Ferreira que comandou a equipe do Palmeiras na Venezuela, exaltou detalhes relacionados aos atletas.

"Desde que chegamos ao Palmeiras, os jogadores explicaram a dificuldade que são esses jogos de Libertadores e a importância que é ganhá-los. Aprendemos com eles, nos adaptamos a esse contexto", disparou.

Provável escalação: Weverton; Marcos Rocha, Gustavo Gómez, Murilo Cerqueira e Jorge; Jailson, Zé Rafael e Raphael Veiga; Dudu, Gustavo Scarpa e Rafael Navarro (Rony). Técnico: Abel Ferreira

Tentando voltar à normalidade

Eliminado nas quartas de final do Campeonato Cearense e na mesma fase na Copa do Nordeste, o desempenho ruim nas primeiras competições na temporada custou o cargo de Tiago Nunes no Ceará. O Vozão estreou no grupo G da Copa Sul-Americana 2022 contra o Independiente.

São, ao todo, quatro baixas do Alvinegro de Porangabuçu, todas por lesão: Matheus Peixoto, Jael, Marcos Ytalo e Victor Luís.

Após a vitória contra o Rojo na Sul-Americana, Dorival Junior, treinador da equipe, falou sobre a busca por evolução no time. "Temos que aproveitar os bons momentos dentro dos jogos. Temos qualidade e condições. Claro que tudo demanda tempo e teremos competições em cima das outras, mas quero melhorar as qualidades da equipe e deixá-los em condições de jogarem um futebol mais leve, mais livre e mais consistente. Essa é a principal preocupação", pontuou.

Provável escalação: João Ricardo, Nino Paraíba, Messias, Luiz Otávio, Bruno Pacheco; Richard, Lindoso, Fernando Sobral; Vina, Mendoza, Zé Roberto. Técnico: Dorival Junior

Arbitragem

Árbitro: Caio Max Augusto Vieira (RN)

Assistentes: Jean Márcio dos Santos (RN) e Lorival Candido das Flores (RN)

VAR: Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (RN)

VAVEL Logo